SAMBAQUI INTERATIVO é testado em evento em Santa Catarina (GRUPEP/UNISUL)

Vocês já conhecem o projeto Sambaqui Interativo? NÃO?! Então senta que lá vem história.

Sambaqui Interativo é o primeiro produto ciberarqueológico do ARISE (MAE-USP) em parceria com pesquisadoras do Grupo de Pesquisa em Educação Patrimonial e Arqueologia (GRUPEP) da Unisul (Universidade do Sul de Santa Catarina). O projeto será um jogo de gênero RPG e permitirá aos usuários a exploração de uma paisagem com povoações sambaquieiras. Ao longo de toda a costa brasileira são encontrados montículos intencionalmente construídos e formados principalmente pela sobreposição de conchas de moluscos. Os sambaquis (de etimologia Tupi-guarani, que significa “amontoado de conchas”) são sítios arqueológicos que podem atingir níveis monumentais, representando um fenômeno marcante na paisagem litorânea, que testemunha a presença humana nesse ambiente há pelo menos oito mil anos antes do presente! Nossa intenção com este projeto é difundir o conhecimento histórico e arqueológico do Brasil a partir de um jogo eletrônico, fazendo com que você se sinta na pele de um sambaquieiro.

O projeto vem sendo desenvolvido desde o fim de 2017 e agora, nessa semana, está em fase de testes com alunos das escolas de Santa Catarina da região de Tubarão e proximidades no evento XII Semana dos Povos Indígenas. E o resultado está sendo muito positivo!

Confira abaixo um trechinho da oficina do Sambaqui Interativo ministrada pela mestranda Jéssica Mendes Cardoso (MAE-USP), colaboradora do ARISE neste projeto:

 

O ARISE agradece imensamente ao GRUPEP e à Unisul pela oportunidade!

Fiquem ligados no andamento do projeto em nosso site e redes sociais 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *